Nomeado novo secretário de Segurança Pública do DF

Júlio Danilo é delegado da Polícia Federal e ocupava, há nove meses, o cargo de secretário executivo da SSP

Nomeado novo secretário de Segurança Pública do DF

A nomeação do novo secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, delegado Júlio Danilo, foi publicada na edição extra do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), desta terça-feira (30). Ele passa a ser o titular da pasta, após nove meses como secretário executivo de Segurança Pública.

“A Segurança Pública do Distrito Federal tem trabalhado cada vez mais de forma equânime, integrada e com resultados perceptíveis para a população do Distrito Federal”Júlio Danilo, novo secretário de Segurança Pública

“É uma missão muito importante, para a qual agradeço a confiança do governador Ibaneis Rocha. A Segurança Pública do Distrito Federal tem trabalhado cada vez mais de forma equânime, integrada e com resultados perceptíveis para a população do Distrito Federal. Mesmo diante de uma pandemia, o Distrito Federal apresentou decréscimos históricos em 2020. Tivemos o ano com o menor número de homicídios dos últimos 41 anos e ainda reduzimos o número de feminicídios no DF quase que pela metade. Vamos continuar esse trabalho que vem sendo feito e tentar melhorar cada vez mais a qualidade de vida da população” antecipa o secretário.

Danilo é delegado da Polícia Federal. Formado em Direito pelo UniCeub, tem especialização em Ciência Policial e Investigação Criminal e dá aulas na Academia Nacional de Polícia Federal nas disciplinas Controle e Fiscalização de Produtos Químicos, Repressão ao Tráfico de Drogas, e Investigação e Combate ao Crime Organizado.

De 2018 a 2020 foi chefe da Divisão de Operações de Repressão a Drogas, coordenador de repressão a crimes violentos e coordenador-geral substituto de repressão a drogas e facções criminosas na capital federal. Antes disso, prestou serviços na Coordenação-Geral de Cooperação Policial, atuando como adido policial federal junto à Embaixada do Brasil na Bolívia.

No início da carreira como delegado, chefiou a Delegacia de Combate a Crimes Previdenciários, da Superintendência Regional do Departamento de Polícia Federal em Tocantins (TO). Foi também representante regional da Interpol no estado.

Logo depois, entre 2004 e 2007, foi chefe do setor de Investigação de Desvios de Produtos Químicos, da Divisão de Controle de Produtos Químicos. De 2012 a 2015, chefiou a Divisão de Controle de Produtos Químicos, ambos os cargos em Brasília (DF).

*Com informações da SSP

Qual é a sua reação?

like
0
dislike
0
love
0
funny
0
angry
0
sad
0
wow
0